Abril será o mês de maior ocorrência de saques do FGTS; Marcio Alaor do BMG reporta

O saque de contas inativas do FGTS é um assunto que vem tomando conta do noticiário brasileiro. No final do ano passado, o governo anunciou que liberaria o dinheiro preso no FGTS – de trabalhadores demitidos por justa causa ou que pediram demissão antes de 31 de dezembro de 2015. O executivo do Grupo BMG, Marcio Alaor, reporta que o calendário completo da retirada do dinheiro foi divulgado nesta terça-feira, dia 14, constatando que o mês de abril será o mês com maior volume de saques.

De acordo com a Caixa, cerca de 26% do total das retiradas acontecerá em abril, mês que abrange os nascidos em março, abril e maio, o que acabará impactando de forma contundente na economia. Em seguida, de acordo com o que republica Marcio Alaor, do BMG, maio e junho serão os meses de maior frequência de saques – 25% em cada. Já em março espera-se um montante de apenas 16% dos saques, enquanto que junho será o mês de menor incidência de retirada do dinheiro, com 8%.

Para atender a demanda, do alto número de trabalhadores com direito a receber o dinheiro retido no FGTS, a Caixa Econômica Federal fará uma espécie de força tarefa, conforme consta em material publicado pelo Portal Exame.

O governo estima, segundo material noticiado pelo executivo do Banco BMG, Marcio Alaor, que cerca de 35 bilhões de reais serão injetados nos próximos meses na economia brasileira, a partir dos saques, embora a quantia retida atualmente seja maior do que isso, de acordo com Dyogo Oliveira, ministro do Planejamento.

A Caixa, por sua vez, informa que atualmente há 43 bilhões de reais depositados em contas inativas, em mais de 49 milhões de contas diferentes.

Onde posso sacar o dinheiro?

Para sacar o dinheiro, o trabalhador pode recorrer à diversos meios, elencados pelo governo. Marcio Alaor, do BMG, reporta que, além do autoatendimento, as pessoas podem realizar o saque através dos chamados canais parceiros, como as Casas Lotéricas e os correspondentes Caixa Aqui. Ao apresentar um documento de identificação, o cartão cidadão e a respectiva senha, o trabalhador poderá sacar um valor de até 3 mil reais, o que tende a facilitar a logística da retirada.

Já os trabalhadores que tiverem conta poupança na Caixa, receberão automaticamente a quantia conforme o calendário divulgado pelo governo. O valor tende a estar disponível no primeiro dia útil da abertura do calendário mensal.

Marcio Alaor, do BMG, ainda aponta que trabalhadores que não tenham conta ativa na

Caixa, poderão solicitar a transferência do dinheiro diretamente com os responsáveis pelas agências. É importante ressaltar que o banco estatal afirma que não cobrará qualquer quantia pela operação.

Como o assunto ainda gera muitas dúvidas sobre direito a receber, prazos e outras questões, a Caixa disponibiliza o telefone 0800 726 2017 para que todo e qualquer trabalhador possa se situar sobre tudo que envolve o saque de contas inativas do FGTS. Há também o site http://www.caixa.gov.br/contasinativas  – ao dispor do cidadão durante as 24 horas do dia.

 

1 thought on “Abril será o mês de maior ocorrência de saques do FGTS; Marcio Alaor do BMG reporta”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *