As verdadeiras vencedoras do Grammy: Adele e Beyoncé.

adele_grammy

Anualmente o Grammy Awards, – o considerado Oscar da música– premia os maiores destaques da música escolhidos pela academia, em outras palavras, o maior prêmio do cenário musical mundial. Todo ano é natural que vários músicos, cantores e bandas recebam mais de uma indicação, ou seja, concorrem ao prêmio em várias das categorias de que o evento dispõe, mas nem sempre ganham em todas elas, e as vezes sim.

A última edição do Grammy (2017) ocorreu neste domingo, 12, em Los Angeles, contendo nomes recorrentes e bem conhecidos, até alguns pouco conhecidos e novos no mundo da música, como é de costume. Um desses nomes recorrentes e sempre aclamados é o da cantora, dançarina, e por que não dizer, ativista, Beyoncé, com suas nove indicações, ou seja, na maioria das categorias, em contrapartida, um nome razoavelmente novo na música também recebeu um número alto de indicações, a talentosíssima Adele, recebendo 5 indicações.

A grande vencedora

A cantora e compositora britânica Adele, talvez inesperadamente para ela mesma, recebeu todos os prêmios ao qual estava indicada naquela noite, podendo ser considerada a grande vitoriosa do evento. Seu estilo que trouxe de volta ao paladar do grande público o Soul e o R&B, foi agraciada com três das quatro categorias principais, e mais duas do gênero “pop”. Já a grande estrela Beyoncé conquistou apenas duas das categorias em que concorria.

No entanto, a grande vencedora da noite foi, indiretamente e não por escolha da academia, a cantora Beyoncé. Com uma apresentação estonteante, e gravida de duas crianças, empoderando o dom e a maravilha da gravidez, ou melhor dizendo, a própria Mulher, deixou o público e colegas do ramo musical boquiabertos como sempre; concorrendo com seu álbum mais recente, o Lemonade, que é uma grande ode à cultura afro-americana.

Não bastasse a grande apresentação de Beyoncé, inesperadamente Adele ao discursar após receber o prêmio máximo da noite citou a importância de Beyoncé, como cantora e mais que isso, a importância do álbum Lemonade principalmente para as pessoas negras. Mencionando-a como grande inspiração sua e para grande parte da população, Adele não apenas emocionou sua colega, como também ao público todo.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *