Abrigo com mais de 100 pessoas foi inundado por causa da tempestade numa cidade dos EUA

Uma inundação que aconteceu no Bowers Civic Center, Port Arthur, fez um abrigo com 100 pessoas ficar alagado. Os usuários do local tiveram que subir em arquibancadas para se evadir da água, que não parava de subir o nível.

As pessoas dentro do abrigo tiveram que abandonar todos os pertences, que ficaram a mercê da água que chegou a 30 cm de chuva. Próximo a esse abrigo, existem outros dois, no entanto, ambos já estão lotados por consequência da demanda de desabrigados gerada pela grande tempestade. Não se sabe ainda para onde essas pessoas irão agora.

Na costa o estrago da tempestade foi ainda mais dramático. As cidades de Beaumont e Port Arthur receberam 66 cm de chuva em apenas 24 horas, e para preocupar ainda mais os locais. Ainda está chovendo. Port Arthur localiza-se a 144 km de Houston, outra cidade também muito afetada.

O prefeito de Port Arthur, Derrick Freeman, escreveu uma nota numa rede social. “Nossa cidade inteira está sob as águas agora, mas nós estamos indo… Se vocês chamarem, nós vamos. Por favor, vá para os pisos mais altos (das casas) se puderem, mas tentem não ficar nos sótãos”.

O prefeito ressaltou que as equipes de resgates estão se empenhando para salvar aqueles que estão presos em suas residências, mas informou que o trabalho está andando lentamente porque está trovejando na região.

SUPERLOTAÇÃO NOS ABRIGOS

De acordo com a FEMA (Agência Federal de Gestão de Emergências, sigla em inglês),

Desde o inicio da tempestade mais de 29 mil pessoas procuraram abrigo. Muitos condados no Texas estão declarando modo de desastre. O diretor da Fema, Broke Long, falou sobre a importância de voluntários num momento como esse.

Autoridades ressaltaram que a tempestade ainda não parou e que o empenho de salvar vidas permanece.

— Nós esperamos uma recuperação de vários anos, e o governo federal está conosco neste longo prazo — falou Elaine Duke, secretária de Segurança Interna, no decorrer de um boletim.

SANDY

Em 2012, algo similar ocorreu nos Estados Unidos, à notícia do furacão Sandy repercutiu no mundo como uma das maiores tragédias naturais já ocorridas. Ocorreu no estado de Nova Jersey, em seguida em Nova York. Causou aproximadamente 120 mortos e um prejuízo estimado de US$ 71 bilhões.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *