Abril será o mês de maior ocorrência de saques do FGTS; Marcio Alaor do BMG reporta

O saque de contas inativas do FGTS é um assunto que vem tomando conta do noticiário brasileiro. No final do ano passado, o governo anunciou que liberaria o dinheiro preso no FGTS – de trabalhadores demitidos por justa causa ou que pediram demissão antes de 31 de dezembro de 2015. O executivo do Grupo BMG, Marcio Alaor, reporta que o calendário completo da retirada do dinheiro foi divulgado nesta terça-feira, dia 14, constatando que o mês de abril será o mês com maior volume de saques.

De acordo com a Caixa, cerca de 26% do total das retiradas acontecerá em abril, mês que abrange os nascidos em março, abril e maio, o que acabará impactando de forma contundente na economia. Em seguida, de acordo com o que republica Marcio Alaor, do BMG, maio e junho serão os meses de maior frequência de saques – 25% em cada. Já em março espera-se um montante de apenas 16% dos saques, enquanto que junho será o mês de menor incidência de retirada do dinheiro, com 8%.

Para atender a demanda, do alto número de trabalhadores com direito a receber o dinheiro retido no FGTS, a Caixa Econômica Federal fará uma espécie de força tarefa, conforme consta em material publicado pelo Portal Exame.

O governo estima, segundo material noticiado pelo executivo do Banco BMG, Marcio Alaor, que cerca de 35 bilhões de reais serão injetados nos próximos meses na economia brasileira, a partir dos saques, embora a quantia retida atualmente seja maior do que isso, de acordo com Dyogo Oliveira, ministro do Planejamento.

A Caixa, por sua vez, informa que atualmente há 43 bilhões de reais depositados em contas inativas, em mais de 49 milhões de contas diferentes.

Onde posso sacar o dinheiro?

Para sacar o dinheiro, o trabalhador pode recorrer à diversos meios, elencados pelo governo. Marcio Alaor, do BMG, reporta que, além do autoatendimento, as pessoas podem realizar o saque através dos chamados canais parceiros, como as Casas Lotéricas e os correspondentes Caixa Aqui. Ao apresentar um documento de identificação, o cartão cidadão e a respectiva senha, o trabalhador poderá sacar um valor de até 3 mil reais, o que tende a facilitar a logística da retirada.

Já os trabalhadores que tiverem conta poupança na Caixa, receberão automaticamente a quantia conforme o calendário divulgado pelo governo. O valor tende a estar disponível no primeiro dia útil da abertura do calendário mensal.

Marcio Alaor, do BMG, ainda aponta que trabalhadores que não tenham conta ativa na

Caixa, poderão solicitar a transferência do dinheiro diretamente com os responsáveis pelas agências. É importante ressaltar que o banco estatal afirma que não cobrará qualquer quantia pela operação.

Como o assunto ainda gera muitas dúvidas sobre direito a receber, prazos e outras questões, a Caixa disponibiliza o telefone 0800 726 2017 para que todo e qualquer trabalhador possa se situar sobre tudo que envolve o saque de contas inativas do FGTS. Há também o site http://www.caixa.gov.br/contasinativas  – ao dispor do cidadão durante as 24 horas do dia.

 

As verdadeiras vencedoras do Grammy: Adele e Beyoncé.

adele_grammy

Anualmente o Grammy Awards, – o considerado Oscar da música– premia os maiores destaques da música escolhidos pela academia, em outras palavras, o maior prêmio do cenário musical mundial. Todo ano é natural que vários músicos, cantores e bandas recebam mais de uma indicação, ou seja, concorrem ao prêmio em várias das categorias de que o evento dispõe, mas nem sempre ganham em todas elas, e as vezes sim.

A última edição do Grammy (2017) ocorreu neste domingo, 12, em Los Angeles, contendo nomes recorrentes e bem conhecidos, até alguns pouco conhecidos e novos no mundo da música, como é de costume. Um desses nomes recorrentes e sempre aclamados é o da cantora, dançarina, e por que não dizer, ativista, Beyoncé, com suas nove indicações, ou seja, na maioria das categorias, em contrapartida, um nome razoavelmente novo na música também recebeu um número alto de indicações, a talentosíssima Adele, recebendo 5 indicações.

A grande vencedora

A cantora e compositora britânica Adele, talvez inesperadamente para ela mesma, recebeu todos os prêmios ao qual estava indicada naquela noite, podendo ser considerada a grande vitoriosa do evento. Seu estilo que trouxe de volta ao paladar do grande público o Soul e o R&B, foi agraciada com três das quatro categorias principais, e mais duas do gênero “pop”. Já a grande estrela Beyoncé conquistou apenas duas das categorias em que concorria.

No entanto, a grande vencedora da noite foi, indiretamente e não por escolha da academia, a cantora Beyoncé. Com uma apresentação estonteante, e gravida de duas crianças, empoderando o dom e a maravilha da gravidez, ou melhor dizendo, a própria Mulher, deixou o público e colegas do ramo musical boquiabertos como sempre; concorrendo com seu álbum mais recente, o Lemonade, que é uma grande ode à cultura afro-americana.

Não bastasse a grande apresentação de Beyoncé, inesperadamente Adele ao discursar após receber o prêmio máximo da noite citou a importância de Beyoncé, como cantora e mais que isso, a importância do álbum Lemonade principalmente para as pessoas negras. Mencionando-a como grande inspiração sua e para grande parte da população, Adele não apenas emocionou sua colega, como também ao público todo.

 

Planalto aguarda contraproposta da Câmara ao projeto de reforma da Previdência

Depois da participação em um debate sobre a proposta de reforma da Previdência, nesta sexta-feira (03/02), realizado na FIESP, o secretário da Previdência Social, Marcelo Caetano, afirmou que o poder executivo continua aguardando uma contraproposta da Câmara dos Deputados sobre as mudanças devidas no projeto de reforma do sistema de aposentadoria do país. De acordo com o secretário, o governo vê com bons olhos a discussão e a análise das mudanças no texto original da proposta, mas também alertou que uma modificação muito grande poderia comprometer os ganhos no projeto de emenda constitucional, causando uma nova discussão para uma reforma posterior.

Marcelo Caetano advertiu que caso a proposta original seja muito diluída pelas mudanças, o gasto da Previdência crescerá consideravelmente, o que causará uma imensa dificuldade para o pagamento dos benefícios.

O secretário da Previdência evitou comentar quais temas específicos no texto original da proposta estariam abertos à negociação com o governo, afirmando somente que o Planalto aguarda as propostas da Câmara para saber o que poderá ser realizado. Marcelo Caetano ainda confirmou, quando questionado sobre a intenção de equalização da idade de aposentadoria, de 65 anos, para homens e mulheres, que essa unificação de idades é uma tendência dos governos internacionais e que o governo brasileiro trabalho arduamente para a sua efetivação.

O secretário também declarou à imprensa que a competência do Congresso Nacional, no tocante à definição da velocidade de alterações e tramitação do projeto de emenda constitucional, será respeitada pelo governo. No entanto, ele reiterou o interesse do Planalto, que espera que as mudanças preservem o cerne da proposta original do projeto. Como bem explicou Marcelo Caetano, se as mudanças na forma atual da proposta forem severas demais, os ganhos com a reforma serão minimizados consideravelmente, o que causará uma reforma mais dramática e extensa no sistema previdenciário em alguns anos.

Seguindo o desejo do executivo, o secretário da Previdência Social afirmou categoricamente que a maneira mais eficaz para solucionar o problema de financiamento do sistema previdenciário do país seria a aprovação completa do projeto de emenda constitucional apresentado no Congresso, se possível ainda no primeiro semestre do corrente ano. Em relação às regras do sistema de aposentadoria dos militares, que não foram incluídos no projeto de reforma original, Marcelo Caetano apenas declarou que o tema ainda é passível de análise e de maiores discussões.

Reforma da Previdência

Protocolada na Câmara dos Deputados como PEC 287, a proposta de reforma na Previdência Nacional tem causado polêmica desde sua formulação. Dentre as principais modificações em relação ao sistema vigente, a PEC 287 prevê a fixação da idade mínima de 65 anos para a aposentadoria de homens e mulheres do setor público e privado, e um período de 49 anos de contribuição para a requisição do valor de aposentadoria integral.

 

 

 

 

 

Heads, agência de Claudio Loureiro, faz campanha para a Nissei

Claudio Loureiro é um e empresário na área da publicidade e além de fundador e chefe executivo da empresa Heads, a maior agência de publicidade privada do Brasil, segundo o IBOPE-Monitor. A empresa foi fundada há 27 anos e presta serviços a variados clientes como a Petrobrás, Grupo Boticário, Caixa Seguradora, Caixa, Arbor, o Canal Viva, Vaio ou a Volvo. O capital é 100% brasileira e foi apontada como uma das melhores firmas de comunicação para se trabalhar no Brasil, segundo o instituto “Great Place to Work”. Para além disso, Claudio Loureiro da Heads sempre incutiu na Heads uma grande disponibilidade em aplicar os princípios de igualdade sexual em cargos executivos tal como é recomendado pela ONU Mulheres, e foi mesmo a primeira agência de publicidade a coloca-los em prática. Neste momento, a empresa tem as suas sedes em Curitiba, Rio de Janeiro, São Paulo, e na capital Brasileira, Brasília.

A Heads de Claudio Loureiro é a agência de propaganda responsável pela campanha publicitária de uma das redes de farmácia com maior reputação no estado do Paraná – a Nissei. No último trabalho realizado pela empresa, surgiu a ideia de focar a história da vida do fundador da empresa farmacêutica (Sergio Maeoka) até à consolidação da sua rede de farmácias pelo estado paranaense.

Atualmente, a empresa farmacêutica conta com 30 anos de prestação de serviços aos habitantes da região. Pegando neste fato histórico, a publicitária de Claudio Loureiro da Heads criou um filme institucional vocacionado à respetiva história de Sergio Maeoka que foi ao ar no intervalo do programa Fantástico da Globo. O trabalho contou com outras formas de divulgação da história como passagens na rádio, comunicação nas farmácias da rede Nissei ao longo do país e publicações nas mídias sociais da empresa de Sergio Maoka.

Resumidamente, o filme conta a saída de Maoka do interior do estado paranaense para a maior cidade do respetivo estado. No início da abertura da sua primeira farmácia, o filme divulga os cuidados e a atenção que Maoka tinha com os seus clientes criando um laço especial entre todos aqueles que procuravam os seus serviços. Foi este aspeto que a agência Heads de Claudio Loureiro queria explorar por demonstrar o vínculo particular que o Sergio tratava os seus clientes, dedicando-se e entregando-se completamente aos mesmos e criando uma identidade da firma que seria essencial para o futuro, como se pode verificar pela especial atenção e carinho que os habitantes do Paraná se pronunciam quando se aborda o tema “Nissei” e as suas farmácias. Uma das políticas da empresa que tem bastante sucesso e ajudou a corroborar a ideia que os habitantes paranaenses têm sobre a Nissei é o Clube da Melhor Idade, que representa o maior clube de vantagens no Brasil com incidência nas pessoas de terceira idade.

A firma brasileira aceitou e cumpriu o grande desafio de elaborar o sistema de comunicação de venda em todas as farmácias da rede Nissei (ao todo são mais de 230 farmácias distribuídas pelos estados de São Paulo, Santa Catarina e Paraná).

 

Irlanda será o primeiro país a acabar com os investimentos em combustíveis fósseis

Um dos melhores países para se viver, além de uma fama de inovador, a Irlanda pode ser o primeiro país a acabar com os combustíveis fósseis. A grande boa notícia veio com a aprovação do parlamento irlandês sobre uma lei que irá acabar com todo investimento público feito para a extração e manipulação de combustíveis fósseis. Os três principais combustíveis fósseis, o carvão mineral, o óleo e o gás natural, passaram a ser fiscalizados pela legislação, para que não sejam corrompidos ao Fundo de Investimentos Estratégicos da Irlanda, que estima 8.6 bilhões de dólares, dentro dos cinco anos que virão.

A lei que foi aprovada, ainda devera passar por uma revisão para ser finalmente colocada em prática. Se o decreto que proibi investimentos do governo em combustíveis fósseis for aprovado, a Irlanda além de um país de primeiro mundo, será também a pioneira em abandonar os combustíveis fósseis que causam tantos problemas para o planeta, o que seria o primeiro passo para uma grande mudança para as energias renováveis, muito mais benéficas para o mundo.

O autor do grande projeto que irá contribuir para uma revolução na forma de pensar sobre as energias renováveis, é o deputado Thomas Pringle. Ele afirmou ao The Independent, que a criação da lei é primeiramente de caráter ético e que tem a finalidade de servir como um símbolo para as grandes corporações de todo o mundo, que a Irlanda não irá mais aceitar a manipulação e a indução para as energias não-renováveis. O deputado foi contra a grande maré de industrias petroleiras que só causam devastações em todo o planeta, seja na poluição do meio ambiento, ou nas guerras em prol do petróleo.

Thomas Pringle disse: “Nós não podemos aceitar suas ações enquanto milhões de pobres em países subdesenvolvidos suportam o impacto das forças de mudança climática, experimentando a fome, a emigração em massa e a instabilidade civil como consequência”. O seu discurso deixa claro seu posicionamento referente às devastações da indústria petroleira, e sobre o impacto que as fontes de energias não-renováveis causam a população que fica presa no meio da guerra sem ter para onde ir, o que comer e sem perspectiva de vida alguma. Pringle se mostrou um grande líder e pioneiro em unir forças para lutar contra uma causa que ajudará a população mundial, além de contribuir para a natureza.

Assim que a lei for vigorada, a Irlanda terá que se desintegrar dos investimentos feitos em combustíveis fósseis. Claro que essa nova lei terá grandes impactos econômicos em países do mundo inteiro, pois eles serão o primeiro país a parar de consumir essas energias não-renováveis. Outra obrigação do governo, será não investir em companhias que fazem o uso e comercializam os combustíveis fósseis, tanto agora, quanto no futuro. O que se espera, é que muitos outros países também vejam essa possibilidade de mudar o mundo e passa a usar energias renováveis.

Conheça mais sobre as energias renováveis e seu impacto no planeta.

 

Viagens espaciais podem afetar negativamente a saúde mental dos astronautas, afirma estudo

Um estudo recém-publicado alerta para os perigos aos quais astronautas poderão estar submetidos ao realizar viagens espaciais. De acordo com as Academias Nacionais de Ciência, Engenharia e Medicina dos Estados Unidos o sonho do homem de pisar em Marte ou de explorar sistemas planetários distantes pode esbarrar em problemas muito mais sérios do que apenas vencer as vastas distâncias interestelares. A exposição à radiação cósmica e os longos períodos de isolamento no espaço podem afetar não só a saúde física como também ter impacto negativo na saúde mental dos astronautas.

O estudo, publicado na conceituada revista “New Cientist”, foi chefiado por Carol Scott-Conner, da Universidade de Iowa, e é fruto da revisão nas pesquisas da NASA, a agência espacial americana. Um comitê liderado por Scott-Conner analisou oito estudos recentes da agência que expõem os riscos da permanência de seres humanos no espaço.

Os resultados, claro, são pouco animadores e ilustram muito bem os desafios a serem vencidos pela ciência no que diz respeito aos planos de levar uma nave tripulada até Marte. A viagem, nesse caso, pode levar meses. Durante esse tempo os futuros exploradores do planeta vermelho estarão expostos a vários perigos. Os dois maiores riscos, de acordo com o estudo, são a exposição às radiações provenientes do espaço sideral e o isolamento. Esses dois fatores podem levar a sérios distúrbios psicológicos na tripulação.

Em relação à radiação, a saída para contornar o problema está na própria ciência. A pesquisa por novos materiais pode levar a construção de naves mais seguras, capazes de barrar a radiação e proteger os astronautas dos seus perigos. No entanto, a questão do confinamento e do isolamento parece ser bem mais complicada de ser resolvida. Prever o impacto desses fatores na mente humana é praticamente impossível.

Afinal, não trata-se apenas de permanecer isolado por um grande período de tempo. É preciso lembrar que os astronautas estarão longe da família e amigos, sem comunicação e vivendo sob pressão constante, trabalhando muito e tendo de lidar com situações incomuns como a falta de gravidade e os espaços exíguos.

Além disso há o problema do tempo. O relógio biológico dos seres humanos é regulado, em grande parte, pelo ciclo de rotação da Terra. Dormimos quando é noite e acordamos quando é dia. A ausência desse ciclo, no espaço, pode simplesmente desregular o relógio biológico do astronauta e afetar o seu sono. A falta de sono, por sua vez, aumenta o cansaço e o stress. Isso tudo somado pode comprometer o sucesso das missões espaciais.

Pelo visto, os desafios de uma missão espacial até Marte ou às luas de Júpiter e Saturno, são muito maiores que se imagina. Tanto que a Rússia planeja enviar um macaco à Marte antes de enviar seres humanos.

 

O escritório do qual o advogado Ricardo Tosto faz parte, O Leite, Tosto e Barros foi apontado pelo Latin Lawyer como uma empresa de renome na área jurídica

O advogado Ricardo Tosto, graduado em direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, é um dos fundadores do escritório Leite, Tosto e Barros, que segue o estilo full – service.

O escritório foi indicado pelo décimo ano consecutivo pela publicação de dois mil e dezesseis da Latin Lawyer, uma revista renomada que aponta os escritórios de advocacia mais renomados da América Latina.

Segundo a publicação Latin Lawyer 250, para um escritório que segue o estilo full- service, é recomendado ter habilidades em diversas áreas, complexas ou não, que não equivalem as transnacionais. Relacionar e deter estas habilidades durante um período instável de economia, como o que o Brasil vive por exemplo, pode ser um diferencia e essencial. E para segundo a publicação o escritório leite, Tosto e Barros apresenta essas aptidões com êxito.

A publicação ressaltou ainda o esforço e empenho do advogado Ricardo Tosto em conjunto com seus sócios e ademais advogados em manter a receita e o mesmo padrão mesmo em anos complexos como o de 2015. Onde o escritório lidou com consultorias em áreas trabalhistas, tributarias, e também de crimes de colarinho branco por empresas envolvidas em algumas investigações, e mesmo que o escritório estivesse em uma posição favorável em relação a outros escritórios, o ano de 2015 não foi simples. O escritório Leite, Tosto e Barros renegociou contratos com seus fornecedores, e focou em organizar os processos internos da melhor forma possível. Desta maneira, o que foi levado em conta foi a satisfação dos clientes.

De acordo com a própria publicação do Latin Lawyer 250, o escritório é tido como preferido pelo mercado nos bons e em maus momentos. A área do Contencioso é tido como o “carro chefe” do Leite, Tosto e Barros e fonte da maior parte de renda do escritório.

O advogado Ricardo Tosto foi citado também pela publicação como um advogado de renome na área do contencioso no nosso país. O advogado brasileiro foi indicado pelo guia Who´s Who Legal como um profissional de renome da área. É ele que em muitos casos, está a frente de diversos casos com maior complexidade.

Em seu escritório Ricardo Tosto atua em especial nas áreas de contrato bancário; direito administrativo, eleitoral, civil e comercial; agiu também em casos de falência, recuperação de créditos; recuperação judicial, reestruturação empresarial e acquisition review.

O escritório conta com vinte e cinco anos de atuação e é reconhecido tanto internacionalmente como no nosso país, e ainda detém mais de trezentos colaboradores, dentre estes advogados e uma estrutura de Back Office. A empresa Leite, Tosto e Barros ainda foi uma das pioneiras na utilização de um conceito de gestão empresarial, e tem sede em cidades como: São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

A edição do Latin Lawyer 250 alguns anos atrás, especificamente há oito anos atrás, um banco de origem internacional contratou o escritório do qual Ricardo Tosto faz parte pela primeira vez para administrar um projeto especifico perante os tribunais superiores. A contratante ficou empolgada de tal forma com o comprometimento dos advogados do escritório que o referiu como o preferido para realizar consultorias aqui no pais, na área do Contencioso.

 

Vazam foto e possível preço do Galaxy S8, próximo smartphone da Samsung

Galaxy S8. O novo topo de linha da companhia sul-coreana teve seu visual vazado no Twitter. É bom provável que trate-se de uma foto verdadeira, pois quem divulgou a imagem do celular foi o usuário Ewan Blass, mais conhecido como “evleaks”. Ele é famoso por divulgar detalhes sobre produtos da indústria tecnológica antes do lançamento oficial.

De acordo com os rumores o Galaxy S8, que tem a missão de recuperar a imagem da Samsung no mercado de celulares depois do fiasco envolvendo a bateria do Galaxy Note 7, deve chegar ao mercado no segundo trimestre deste ano. O lançamento está previsto para acontecer em Nova Iorque no dia 29 de março, num evento especial, mas o convite oficial da empresa ainda não foi enviado à imprensa.

Além da imagem, o Galaxy S8 teve especificações e preços supostamente revelados. A nova geração do smartphone Android deverá ter dois tamanhos de tela: 5.8 e 6.2 polegadas com tecnologia AMOLED 2K HD. Os aparelhos deverão ser vendidos por 799 e 899 Euros (aproximadamente 2700 e 3000 reais, respectivamente, sem levar em conta os impostos). O início das vendas deverá ser a partir de abril.

Se tudo que foi revelado até o momento sobre o Galaxy S8 se confirmar, o smartphone deverá trazer várias e boas novidades. Entre elas está o lançamento do Bixby, o assistente pessoal da Samsung, que deve fazer frente à Siri, da Apple, à Cortana, da Microsoft, e ao Google Now.

Em relação à geração atual, o smartphone Galaxy S8 será mais rápido e gastará menos bateria. Até aí não há nenhuma novidade. A mudança mais radical do aparelho, até onde se sabe, será no design. Se os rumores se confirmarem o aparelho abrirá mão de vez do botão “Home”, presente em todas as versões anteriores da linha Galaxy. Para navegar na interface e através dos aplicativos o usuário contará apenas com os botões virtuais da tela do sistema Android, além dos botões laterais.

Isso tornará o design do celular muito limpo, pois como o leitor de impressões digitais foi posicionado na parte de trás do aparelho, a tela deverá ser a grande estrela, ocupando quase 85% do corpo do aparelho. Em termos de hardware, o Galaxy S8 deverá trazer 4 GB de memória RAM e 64 GB de espaço para armazenamento, podendo ser expandido até 264 GB através de cartão de memória. Ele também poderá contar com câmera traseira de 12 MP e frontal de 8 MP.

Por enquanto não há informações sobre quando o Galaxy S8 será lançado no Brasil.

Liberação do saque do FGTS inativo a partir de março

O saque do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) inativo a partir de março será a solução para os problemas financeiros de muitos brasileiros.

A realização daquele sonho de comprar um carro novo, quitar o financiamento da casa própria ou viajar para o país que sempre quis conhecer pode estar mais próximo agora com a liberação do FGTS inativo.

A liberação também será de grande importância para aqueles que possuem dívidas e estão desempregados, tendo a oportunidade de negociar suas dívidas e até mesmo abrir o seu próprio negócio.

Antes da liberação o saque do FGTS inativo só era permitido em casos onde o trabalhador se aposentasse, na aquisição da casa própria, por conta de doença grave comprovada ou estivesse desempregado por um período maior que três anos.

A partir de agora todos trabalhadores que tenham saldo em contas inativas do FGTS encerradas até o dia 31 de dezembro de 2015 terão o direito de sacar o dinheiro. As formas de consulta do saldo encontram-se listadas a seguir:

– Aplicativo FGTS: A qualquer hora e em qualquer lugar o trabalhador pode consultar e acompanhar seus depósitos e ainda visualizar o extrato em sua conta FGTS pelo seu próprio smartphone. O download do aplicativo está disponível para Android na Google Play Store (Download para Android), iPhone na Apple Store (Download para iPhone) e Windows na Windows Store (Download para Windows).

– Site Caixa: Para consultar o extrato da conta FGTS pelo site é necessário informar o número de Identificação Social – NIS (PIS/PASEP) e a senha internet, cadastrada no próprio site.

– Internet Banking: Quem é cliente Caixa e usuário do serviço Internet Banking Caixa pode acessar a opção “Serviço ao Cidadão” e consultar o extrato FGTS.

– Atendimento via telefone: A consulta do extrato FGTS pode ser realizada pelo número 0800 726 0207 de segunda a sexta-feira, das 8h às 21h, e aos sábados, das 10h às 16h.

– Agência física Caixa: A consulta pode ser realizada em qualquer agência Caixa mais próxima.

O calendário com os vencimentos do FGTS de contas inativas deve ser divulgado no início de fevereiro pela Caixa Econômica Federal. Os pagamentos do benefício serão efetuados em ordem de acordo com o mês de aniversário do trabalhador, assim como ocorre com o calendário do PIS.

O trabalhador poderá sacar o valor integral do saldo inativo, os locais para realizar o saque ainda serão divulgados pela Caixa Econômica Federal. Tudo indica que o processo para ter acesso ao benefício será simples e os saques serão feitos em agências da Caixa, postos de atendimento e casas lotéricas, tendo em mãos o Cartão Cidadão e a senha cadastrada.

Para maiores informações do FGTS acesse o site da Caixa Econômica Federal.

 

 

Sofisticação, prestação de serviço e qualidade, sinônimos de Copa Star

No Brasil a maioria dos hospitais são sinônimos de abandono, maus tratos e falta de investimentos. É uma imagem que perdura por muito tempo em todo o país devido em grande parte às administrações públicas e à população omissa.

Porém, existe algumas grandes instituições hospitalares no Brasil que estão na contramão dos dados negativos referentes a saúde pública e privada, e que são grandes referências em termos de atendimento e prestação de serviços.

Neste contexto o Copa Star se destaca muito perante a outas grandes instituições hospitalares por ser um dos mais bem amparados hospitais no mundo, fazendo parte da Rede D’Or São Luiz. O Copa Star, localizado no Rio de Janeiro em Copacabana, é o primeiro em seu segmento sendo ele todo muito luxuoso nos mínimos detalhes, desde a recepção bem requintada e acolhedora até os quartos que dispõe de Ipads. O hospital possui um grau muito elevado em designer tendo grandes obras de artes por todas as partes.

Em relação a inovação, o Copa Star possui salas híbridas, são ambientes que possuem tecnologia para a realização de exames enquanto ocorre uma cirurgia. Se o paciente estiver internado, ele poderá controlar tudo a seu gosto, iluminação, cortina, climatização e o próprio leito em que se encontra, tudo através de um Ipad.

A tecnologia utilizada no centro de terapia intensiva faz com que o paciente esteja em harmonia com o mundo mesmo estando isolado, o Copa Star permite que ele se sinta incluído o tempo todo com o que se passa fora do isolamento, sendo que isso, estimula o processo de recuperação da pessoa isolada devido ao fator psicológico.

O fluxo de prestadores de serviços como, médicos, enfermeiras, e todos os outros funcionários, se faz por áreas restritas de circulação dentro do hospital, permitindo que os pacientes tenham os corredores livres para receberem os familiares e amigos.

O carro chefe desse hospital além do conforto, é sem dúvidas a funcionalidade de que dispõe em seu atendimento cirúrgico voltado para cardiologia e neurologia. Foram investidos mais de 1 milhão de dólares só em equipamentos utilizados por cirurgias neurológicas. Ao todo, foram investidos mais de 500 milhões de reais.

 

O médico cardiologista e presidente do conselho da Rede D’Or São Luiz, Jorge Moll, explica que o Copa Star veio para atender pacientes que eram habituados a fazer ponte aérea Rio/São Paulo buscando os hospitais Sírio Libanês e Albert Einstein. “Não existia nenhum hospital que pudesse ser comparado ao Sírio e ao Einstein aqui no Rio de Janeiro, assim pacientes de alta complexidade podem ser atendidos sem precisarem fazer ponte aérea”

Atualmente, são mais de 500 colaboradores compondo um quadro de funcionários bem preparados e especializados, sendo que entre eles existem mais de 100 médicos especialistas. Toda essa equipe foi submetida a um treinamento de dois meses em situações simuladas para chegar a um atendimento mais humano e acolhedor.

O hospital foi projetado no conceito de humanização voltado para a satisfação total do paciente e dos familiares, sempre visando o que de melhor existe em termos de tecnologia de ponta, mão de obra especializada e um atendimento digno de primeiro mundo.