Empresa Empiricus implementa mudanças em seu funcionamento e inaugura setor de compliance

Um novo grupo de colaboradores foi criado dentro da corporação Empiricus, conforme informações trazidas pela própria empresa. A profissional Bettina Rudolph, por sua vez, foi escalada como uma espécie de porta-voz para reportar os novos rumos que a organização tem tomado a partir de meados de 2019. A equipe em questão faz parte do setor jurídico da empresa, mais especificamente de compliance, que possui colaboradores com a incumbência de revisar tudo o que é veiculado pela marca.

Mesmo atuando como investidora, algo que por hora tem se referido ao seu próprio capital, Bettina é copywriter de profissão. Foi no final do primeiro trimestre do ano que um anúncio gerou grande comoção na web, sobretudo entre os grupos de pessoas físicas com algum grau de interesse em investir como ela fez. O que gerou acentuada repercussão nas redes sociais foi a passagem de um montante de R$ 1,5 mil para R$1 milhão.

Do mesmo modo que se verificou em relação a quem usa as redes sociais, no que tange ao interesse sobre as movimentações financeiras até o alcance de um aporte milionário, instituições reguladoras começaram a atuar incisivamente sobre companhias como a Empiricus. Assim sendo, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) promoveu um conjunto de ações para tirar dúvidas de potenciais investidores e o CONAR (Conselho Nacional de Autorregulação Publicitária) começou a rever todas as campanhas adotados por tais corporações.

Famosa por ter se tornado uma milionária em uma faixa etária em que não se considera fácil conseguir esse tipo de realização, a colaboradora da Empiricus foi destaque no novo comercial ao listar suas transações financeiras e explicar que não foi somente em razão de ter seguido os conteúdos editoriais que conseguiu enriquecer. Segundo ela, os três anos foram marcados por outras atividades, tais como depósitos, por exemplo.

Tão logo terminou de contar detalhadamente o que realizou no campo do investimento, um alerta surge durante a exibição da campanha publicitária. Assim como este, é esperado que um vasto conjunto de recomendações faça parte de modo permanente dos comerciais da marca. É preciso pontuar, contudo, que trata-se de algo recomendado pela CVM, como forma de criar maior conscientização no que diz respeito ao que pode ser financeiramente arriscado.

Uma vez criado nas dependências da companhia Empiricus, estima-se que os diretores da empresa agora planejam tornar o departamento de compliance ainda mais robusto. A colaboradora que surge novamente na campanha da marca elencou as medidas que a corporação tomou a fim de que tal área jurídica pudesse de fato ser implantada ainda no ano de 2019, dada a sua peculiar complexidade.

A rica legislação existente no Brasil, de acordo com as explicações trazidas no novo vídeo, é um fator que motivou à criação de uma estrutura jurídica interna na empresa. Além disso, material de publicidade da Empiricus fez alusão ao crescimento do número pessoas contratadas desde que abriu as portas, o que significa dizer que 300 pessoas atuam de modo direto para que a organização veicule seus conteúdos, gerando mais de 300 mil assinaturas até o momento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *